segunda-feira, 27 de junho de 2011

Fazendo a nossa Parte

"Afinal de contas, quem é Apolo? Quem é Paulo? Apenas servos por meio dos quais vocês vieram a crer, conforme o ministério que o Senhor atribuiu a cada um." (1 Coríntios 3:5)

No processo de pregação do Evangelho, todo Cristão tem um papel. Alguns de nós semeiam. Outros regam as sementes já plantadas. Há ainda outros que têm o privilégio de colher as sementes que foram plantadas e regadas.

Como o apóstolo Paulo expressou em 1 Coríntios 3:6-8,
"Eu plantei, Apolo regou, mas Deus é quem fazia crescer; de modo que nem o que planta nem o que rega são alguma coisa, mas unicamente Deus, que efetua o crescimento. O que planta e o que rega têm um só propósito, e cada um será recompensado de acordo com o seu próprio trabalho."

Dessa forma, nós simplesmente não sabemos o que vai acontecer enquanto plantamos as sementes do Evangelho. Às vezes, se não vemos resultados imediatos, ficamos frustrados. Achamos que não está funcionando. Deus não está nos abençoando. Você deve esperar, caro Cristão. O processo só vai acabar quando realmente estiver concluído. A semente que você plantou hoje pode nem ser colhida durante a sua vida. Ela poderá crescer somente depois que você já estiver no paraíso. Só então aqueles não-cristãos que você amou, alimentou e compartilhou o Evangelho virão para a fé. E, novamente: tal pessoa pode também vir a crer amanhã.

Sendo assim, qual é a nossa responsabilidade? Plantar a semente. É fazer a nossa parte e deixar os resultados com Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário