quinta-feira, 5 de maio de 2011

Dar com Alegria

"Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria." (2 Coríntios 9:7)

Eu não sei quanto a você, mas quando chega o Natal, sempre há alguém para quem me sinto obrigado a comprar um presente. Embora eu não seja fã do processo comercial envolvido no Natal, acabo comprando por obrigação. Por outro lado, é prazeroso comprar um presente para alguém que se ame, não é? Pois assim é também com Deus.

É assim que Deus quer que demos a Ele. Não por obrigação, do tipo: - "Oh, é certo dar para Deus e ajudá-lo." Ou, - "Eu acho que devo ajudar na Escola Dominical, pois, afinal, Deus precisa da minha ajuda para com as crianças." Ou, - "Eu deveria falar sobre Jesus para alguém, porque Deus precisa da minha ajuda para levar o evangelho mundo afora." Se é assim que você pensa, então deveria economizar o seu dinheiro, poupar o seu tempo e não se aplicar à toa em seu serviço, porque Deus simplesmente não os quer, se forem dados dessa maneira. Nosso coração e nossas atitudes são mais importantes para Deus do que os nossos "dons".

Se você der o seu dinheiro, o seu tempo ou qualquer outra coisa somente por obrigação, ou pela expectativa de receber algo em troca, então a sua motivação está errada e não vai contar coisa alguma perante Deus. Seu coração deve estar em primeiro lugar. Dar é uma ação voluntária. Você não tem que fazê-lo, a menos que o queira.

Talvez você ache que não tem muito a oferecer para Deus, mas lembre-se que Ele pode fazer muito com pouco. Basta apresentar-lhe o que você tem e dizer: - "Senhor, isso que eu lhe ofereço não é muito, mas aqui está: é tudo Seu." Então você verá o que Deus pode fazer com a sua oferta e o quanto Ele pode abençoar a vida, por ter se dedicado a Ele com um coração sincero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário