quarta-feira, 20 de abril de 2011

Quando Correr

"Fuja dos desejos malignos da juventude e siga a justiça, a fé, o amor e a paz, juntamente com os que, de coração puro, invocam o Senhor." (2 Timóteo 2:22)

Alguns anos atrás, havia uma história nos noticiários de um homem que foi atingido por uma árvore, a qual caiu sobre sua perna. Sem ninguém por perto para lhe prestar socorro, ele pegou um canivete e começou a amputar sua perna. Ele conseguiu então chegar a uma estrada onde alguém lhe deu carona e o levou até um socorro. Surpreendentemente, esse homem que teve uma perna decepada ainda teve presença de espírito suficiente para dizer ao condutor do veículo não ir muito rápido. Ele disse: "Eu não vim até aqui para morrer na estrada. Vá com calma".

Lembro de ter lido essa história e pensar: "Ele fez o quê? Como pôde esse cara cortar a própria perna? Eu teria ficado debaixo da árvore e apenas esperado por socorro." Mas os médicos que trataram dele depois disseram que se ele não tivesse tomado uma medida tão drástica, teria morrido. Ele fez isso para salvar sua vida.

Algumas vezes temos de tomar medidas drásticas para nos retirar do que quer que esteja nos prejudicando espiritualmente. Isso pode significar mudança imediata. Isso pode significar levantar e dizer: "Eu estou fora dessa."

Você pode estar naquela festa, naquele filme, naquela relação, naquele carro... Onde quer que seja. Você percebe que não deveria estar lá. Deus está falando com você. Ele está dizendo: "O que você está fazendo aqui?" Não seja tolo. Apenas levante-se e vá embora. Isso nem sempre é possível, mas muitas vezes é. 

Existe um relacionamento ou uma situação à qual você não pertence? Deus tem falado com você sobre isso? Você ficará feliz ao tirar um tempo para ouvir.

4 comentários:

  1. Parabéns...esse devocinal diário está restituindo meu casamento.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns..este devocinal tem me ajudado bastante nas escolhas da vida...

    ResponderExcluir
  3. Parabéns...esse devocinal diário está restituindo meu casamento.

    ResponderExcluir
  4. Realmente precisamos nos vigiar para ñ cair no precipício. Muito boa essa mensagem.

    ResponderExcluir