sexta-feira, 11 de março de 2011

Semear e Colher

"Quem semeia para a sua carne, da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito, do Espírito colherá a vida eterna." (Gálatas 6:8)

Um empreiteiro de sucesso chama um dos seus empregados, um habilidoso carpinteiro, e diz que ele o colocaria no comando da próxima casa que a empresa iria construir. Ele instruiu o carpinteiro para pedir todos os materiais e supervisionar todo o processo desde o início. O carpinteiro aceitou com entusiasmo a sua atribuição. Era a sua primeira oportunidade de realmente supervisionar um projeto por inteiro. Ele estudou as plantas e verificou cada medição. Então ele pensou: "Se eu estou realmente no comando, porque não cortar alguns cantos, utilizar materiais mais baratas, e colocar o dinheiro extra no bolso? Quem saberia a diferença? Depois de pintar o local, ninguém seria capaz de dizer."

O carpinteiro começou seu trabalho. Ele usou madeira de segunda mão, pediu concreto de baixo custo para a fundação. Colocou fiação barata, diminuiu todas as colunas que podia, mas relatou o uso de materiais de construção de alta qualidade.

Quando a casa estava concluída, pediu ao patrão para vir ver. Seu chefe, olhou-o e disse: "Isto é incrível. Você fez um trabalho fantástico. Você tem sido um trabalhador bom e fiel e tem sido tão honesto em todos esses anos que vou mostrar a minha gratidão, dando-lhe esta casa."

Nós colhemos o que semeamos. Assim como não podemos plantar ervas daninhas e colher flores, não podemos pecar e colher justiça (bênção). Há reações às nossas ações. Pense nisso: a cada dia, nós semeamos para o Espírito, ou estamos semeando para a carne. Que tipo de sementes você tem semeado?

Nenhum comentário:

Postar um comentário