segunda-feira, 22 de maio de 2017

Um Registro de Nossas Lágrimas

"Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou" (Apocalipse 21:4)

A Escritura nos lembra que Deus guarda nossas lágrimas em uma garrafa. Somos informados no Salmo 56:8: "Registra, tu mesmo, o meu lamento; recolhe as minhas lágrimas em teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro?".

Em Israel em 2008, antes de nosso filho Christopher falecer, estávamos correndo pela cidade, e fomos até uma loja de antiguidades judaicas sobre a qual eu tinha ouvido falar. Nessa loja havia relíquias de 3.000 anos. Era como um museu, exceto que deixavam você segurar as coisas (se você as deixasse cair, naturalmente, isso lhe custaria uma fortuna). Conforme olhei ao redor, vi muitos fragmentos de cerâmica e muitas coisas bem velhas.

E destacando-se no meio de todas aquelas antiguidades estava uma bela garrafa azul translúcida. Então perguntei ao homem que era dono da loja:

- Senhor, o que é essa garrafa azul?

- Oh, isso é uma garrafa romana de lágrimas.

- Sério? Nunca ouvi falar de uma garrafa romana de lágrimas... Pra que serve?

- Os romanos acreditavam que, na perda de um ente querido, se pusessem as lágrimas numa garrafa elas seriam recordadas no Céu.

Lembrei-me imediatamente do que o salmista disse: "[...] recolhe as minhas lágrimas em teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro?"

Bem, tenho uma garrafa de lágrimas (não a da loja de antiguidades judaica, que era muito cara). Tenho uma garrafa de lágrimas no Céu, onde Deus guarda um registro de cada lágrima que eu derramei - e onde Ele também guarda um registro de cada lágrima que você derramou.

Deus guarda nossas lágrimas em uma garrafa para que, um dia, Ele as enxugue.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Siga a Sua Corda

"Sustenta-me, segundo a tua promessa, e eu viverei; não permitas que se frustrem as minhas esperanças." (Salmos 119:116)

Surfistas sabem que quando vêem uma série de ondas chegando, eles têm que fazer a única coisa que eles não querem fazer: nadar em direção às ondas. Como alguém que tem surfado um pouco, posso dizer-lhe que o seu primeiro instinto é correr em direção à praia, mas você não quer fazer isso. Em vez disso, precisa nadar em direção à onda e tentar ficar abaixo ou acima dela.

Se você estiver remando e a onda lhe pegar, a pior maneira de reagir é ir para trás, o que eu fiz algumas vezes. Você pode ficar tão desorientado que não sabe de que lado está. E algumas pessoas já se afogaram porque não sabiam qual o caminho para cima. Elas afundam quando deveriam subir, e o resultado é fatal.

Portanto, a melhor coisa a fazer se você se encontrar nesta situação é pegar a corda amarrada ao seu tornozelo e puxá-la. Em seguida, siga na direção dela. Por que? Essa corda é anexada à sua prancha, que é flutuante e estará na superfície. Assim, mesmo que vá contra a lógica do momento, siga a sua corda para cima.

Na vida, a Palavra de Deus é como aquela corda na prancha de surfe. Quando nos sentimos vencidos por provações e dificuldades, ela nos levará à superfície onde podemos ter a perspectiva correta sobre o que realmente está acontecendo. Suas emoções, como a água agitada, tomarão conta de você, e você ficará submerso. Mas quando esperamos em Deus e cremos em Sua Palavra, ela nos corrige. 

Podemos ser pegos em outra onda, e depois em outra, mas precisamos continuar com esperança e confiantes - sempre.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Com ou Sem Esperança?

"O que o justo almeja redunda em alegria, mas as esperanças dos ímpios dão em nada." (Provérbios 10:28)

Todo mundo tem esperança em alguma coisa. Alguns têm esperança em si mesmos. Como Maria em A Noviça Rebelde, eles têm "confiança na confiança", mas isso não vai sustentá-los.

Outros colocam a sua esperança na tecnologia. Outros ainda colocam a sua esperança nos políticos.

Mas eu tenho algo testado onde você pode colocar a sua esperança: em Deus. Ele nunca vai te deixar na mão. Isso é verdade porque a Bíblia diz que é verdade, mas eu também sei que é verdade a partir de um ponto de vista pessoal, porque coloquei isso à prova. Deus estava lá para mim - e estará lá para você. Não importa o que você enfrente na vida, Ele estará com você por todo o caminho. Como o salmista disse: "Mesmo quando eu andar por um vale de trevas e morte, não temerei perigo algum, pois tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me protegem" (Salmos 23:4).

Ou você tem esperança, ou não a tem. A Bíblia diz: "O que o justo almeja redunda em alegria, mas as esperanças dos ímpios dão em nada" (Provérbios 10:28). Portanto, tenha esperança em Deus.

É Nele que está sua esperança? Talvez você esteja enfrentando uma crise agora. Talvez tenha acabado de ouvir as piores notícias imagináveis. Talvez esteja passando por problemas no seu casamento... Problemas no trabalho... Problemas com a sua família... Problemas de saúde... Problemas financeiros... A lista continua. Talvez você esteja angustiado ou ansioso agora, e se pergunta o que fazer.

Eis o que você deve fazer: clamar a Deus. E aqui está a grande esperança que cada cristão tem: não importa o que aconteça na vida, temos a garantia de que, quando morrermos, iremos para o Céu. Essa é uma situação em que não há como perder.
Link para o texto original

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Heróis da Fé

"Se o mundo os odeia, tenham em mente que antes odiou a mim. Se vocês pertencessem ao mundo, ele os amaria como se fossem dele. Todavia, vocês não são do mundo, mas eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia." (João 15:18-19)

A história da igreja nos conta o episódio de um homem idoso chamado Policarpo que foi preso e levado à presença de um procônsul romano no Anfiteatro. Disseram-lhe que tivesse consideração por sua própria velhice e jurasse pelo gênio de César, dando-lhe a entender que bastava dizer que César era o Senhor e ele podia ir para a casa jantar.

Mas Policarpo respondeu dizendo: "Há oitenta e seis anos venho sendo servo d'Ele, e Ele não me fez nenhum mal, e como posso blasfemar de meu Rei que me salvou?" Policarpo foi então levado à fogueira para ser queimado vivo. Policarpo morreu naquele dia como mártir, como herói da fé.

Milhares, talvez milhões, de cristãos foram executados pelo Império Romano — alguns como divertimento lá no Coliseu. César Nero foi um dos piores perseguidores e responsável pela morte de muitos cristãos. No fim, todavia, Roma caiu e a igreja emergiu vitoriosa.

Já foi dito que o sangue dos mártires é a semente da igreja. Estêvão foi o primeiro de muitos cristãos heroicos que vieram depois dele, que não negaram o Senhor Jesus Cristo. Mesmo quando ficou de joelhos, Estêvão foi grande. Viveu como Cristo. Falou como Cristo. E havia de morrer como Cristo. Jesus disse: "Se o mundo os odeia, tenham em mente que antes odiou a mim" (João 15:18).

Alguns de nós fogem ao menor sinal de escárnio. Estêvão e Policarpo morreram por sua fé, assim como muitos outros. Você consegue viver pela sua? Consegue falar em favor de Jesus? Consegue arriscar-se a passar vergonha diante das pessoas que não concordam com o seu ponto de vista?

terça-feira, 16 de maio de 2017

Abençoado Para Ser Uma Bênção

"O generoso prosperará; quem dá alívio aos outros, alívio receberá." (Provérbios 11:25)

Às vezes as pessoas dizem coisas tais como: "Estou tão seco espiritualmente. Nada tem acontecido em minha vida. Não sei do que preciso. Talvez eu precise mudar de igreja, ou talvez precise ler algum livro novo. Talvez eu precise de alguma experiência nova de espiritualmente."

Minha pergunta para alguém que se sente assim é: Quando foi a última vez que você compartilhou a sua fé com alguém? Quando foi a última vez que iniciou uma conversa com uma pessoa que não acredita em Deus?

Quando você se abre para ser usado por Deus, muitas vezes será abençoado enquanto abençoa os outros. Provérbios 11:25 diz: "O generoso prosperará; quem dá alívio aos outros, alívio receberá."

Posso pensar em ocasiões em que eu estava exausto, sentindo-me sugado. E quando eu me levantei para pregar, comecei quase vazio, mas acabei cheio. Enquanto eu desistia, descobri que Deus me acrescentava. Enquanto eu compartilhava o Senhor, Ele me reabastecia. Deus não lhe dá o Seu poder, a Sua Palavra e a Sua sabedoria para que você os acumule. Você foi abençoado para ser uma bênção.

Enquanto Estêvão compartilhava, enquanto ele se dirigia ao Sinédrio, ele estava cheio do Espírito Santo. Ele compartilhou o evangelho com as pessoas, e Deus lhe deu apenas as palavras certas. Isso não significa que não devemos estudar a Palavra de Deus. Precisamos de um reservatório. Mas podemos ter certeza de que o Senhor nos dará as palavras certas para dizer no lugar e na hora certa. Então encha a sua mente e o seu coração com a Palavra de Deus.

Estevão se preparou. E quando chegou o momento, ele falou de seu coração. Deus lhe deu as palavras - e Ele também as dará a você.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Qualificações Para o Serviço

"Por isso os Doze reuniram todos os discípulos e disseram: 'Não é certo negligenciarmos o ministério da palavra de Deus, a fim de servir às mesas. Irmãos, escolham entre vocês sete homens de bom testemunho, cheios do Espírito e de sabedoria. Passaremos a eles essa tarefa'." (Atos 6:2-3)

Se as pessoas perguntassem sobre você, começariam a identificar um padrão, seja ele bom ou ruim. Você tem uma reputação. A questão é: ela é boa ou ruim? Se você quer ser usado por Deus, precisa de uma boa reputação.

Vemos em Atos 6:3 que uma razão pela qual Estêvão foi escolhido para o serviço de Deus foi sua boa reputação. Isso significa que ele tinha integridade pessoal. O apóstolo Paulo, escrevendo a Timóteo sobre as qualificações para os anciãos da igreja, disse: "Também deve ter boa reputação perante os de fora, para que não caia em descrédito nem na cilada do diabo" (1 Timóteo 3:7). Ter uma boa reputação significa que as pessoas falam bem de você, até mesmo os não-cristãos.

Estêvão não só tinha uma boa reputação como também era "cheio de fé e do Espírito Santo" (Atos 6:5). Estar cheio do Espírito Santo significa viver uma vida controlada pelo Espírito. Significa ceder ao agir do Espírito a cada dia.

Havia outra qualidade que Estêvão tinha que o fazia ser usado por Deus: sabedoria. Vemos isso quando ele generosamente citou as Escrituras ao apresentar o evangelho ao Sinédrio. É possível ter conhecimento e não sabedoria, mas Estêvão tinha ambos.

Finalmente, Estêvão era fiel nas pequenas coisas. Ele diligentemente fez o que lhe foi atribuído - servir mesas.

Portanto, se você quer ser usado por Deus, seja fiel nas pequenas coisas. Você nunca será pequeno demais para Deus - apenas grande demais. Se você está disposto a fazer o que Deus quer que você faça e ser fiel nisso, basta observar o que Deus realizará através de sua vida.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Ataque Por Meio da Divisão

"Naqueles dias, crescendo o número de discípulos, os judeus de fala grega entre eles queixaram-se dos judeus de fala hebraica, porque suas viúvas estavam sendo esquecidas na distribuição diária de alimento." (Atos 6:1)

Mostre-me uma igreja onde as pessoas querem alcançar e impactar a sociedade em torno delas, onde as pessoas querem viver vidas devotadas e eu lhes mostrarei uma igreja que pode esperar oposição satânica.

No livro de Atos, vemos a igreja no começo sendo atacada por perseguição (ver Atos 4). Vemos o inimigo tentando infiltrar-se na igreja através da mentira (ver Atos 5). E então vemos o diabo usando uma de suas táticas mais eficazes contra a igreja: a divisão (ver Atos 6).

Um desacordo surgiu na igreja primitiva sobre como as viúvas estavam sendo tratadas. Havia um sentimento de parcialidade de um grupo sobre outro.

Durante os dias de Alexandre, o Grande, a cultura e a filosofia gregas haviam permeado o mundo. Muitos dos judeus tinham adotado os costumes gregos e eram conhecidos como gregos ou helenistas. Ao contrário dos hebreus nativos, eles falavam grego. Mas havia outros judeus, chamados hebreus, que permaneceram fiéis aos velhos hábitos. Eles eram críticos dos cristãos gregos e pensavam neles como judeus de segunda classe.

Os gregos sentiam que as suas viúvas estavam recebendo menos atenção do que aquelas que foram criadas na cultura judaica. E isso causou uma divisão na igreja.

Provavelmente mais destruição tem sido causada na igreja por divisão do que por qualquer outro motivo. E muitas das divisões na igreja são realmente sobre coisas pequenas. As pessoas se curvarão por coisas que realmente não têm importância.

Você sempre pode encontrar algo errado na igreja. Nenhuma igreja é perfeita. Aqui está um bom ditado para se lembrar: No essencial, unidade; no não-essencial, liberdade; Em todas as coisas, caridade. Porque uma das manobras mais eficazes do diabo é causar divisão entre os cristãos.