quarta-feira, 1 de abril de 2020

SEMEANDO O VENTO

"Eles semeiam vento e colhem tempestade" [...] (Oséias 8:7)

No início do século XX, G. K. Chesterton escreveu, quase profeticamente: "Você pode falar de Deus como uma metáfora ou uma mistificação [...] e ninguém protesta. Mas se você falar de Deus como um fato, um fato como um tigre, como uma razão para mudar a conduta de alguém, o mundo moderno o impedirá de alguma forma, se puder."

Quando as pessoas estão zangadas com Deus, geralmente ficam zangadas com o povo de Deus. Isso é porque elas estão sendo convencidas pelo Espírito Santo como fruto de seu pecado. Jesus disse: "Bem-aventurados serão vocês quando, por minha causa os insultarem, perseguirem e levantarem todo tipo de calúnia contra vocês" (Mateus 5:11).

Se somos verdadeiros seguidores de Jesus, temos que defender o que é verdadeiro e não sermos intimidados pelo que os outros dizem. Grandes homens e mulheres de Deus que foram usados ​​ao longo da história para mudar o curso dos eventos humanos defenderam o que é verdadeiro. William Wilberforce era uma dessas pessoas. Ele era um parlamentar que teria tido uma carreira muito bem-sucedida na política, se a tivesse buscado. Em vez disso, após sua conversão, ele dedicou sua vida à erradicação da escravidão na Inglaterra. Ele conseguiu, resultando na sua abolição em 1807.

O governo não é capaz de resolver os problemas que estamos enfrentando em nosso país. Há um lugar para o governo. Mas temos que invocar o nome do Senhor. Fizemos o possível para removê-lo de nossas salas de aula, de nossa cultura e de nossos tribunais. Semeamos o vento. A Bíblia diz que aqueles que fizerem isso colherão a tormenta. Como o filósofo George Santayana apontou, aqueles que não conseguem se lembrar do passado são condenados a repeti-lo.

terça-feira, 31 de março de 2020

HÁ APENAS UM DE VOCÊ

"Pois, se você ficar calada nesta hora, socorro e livramento surgirão de outra parte para os judeus, mas você e a família de seu pai morrerão. Quem sabe se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha?" (Ester 4:14)

Você já se queixou sobre onde a sua vida está nesse exato momento? Eu odeio o meu bairro. Os meus vizinhos são tão estranhos... Não suporto onde trabalho. Existem pessoas com quem trabalho que me irritam demais... Não gosto disso em minha vida...

Você já parou para pensar no fato de que Deus o colocou onde você está para um momento como este? É providência. Se você sofreu na vida, Deus pode tomar sua mágoa e dor e usá-los para torná-lo um homem de Deus para um momento como este.

Um exemplo clássico é José. Depois que foi vendido como escravo por seus irmãos, ele foi comprado por um homem chamado Potifar. José era tão trabalhador e piedoso que foi encarregado da casa de Potifar. A esposa de Potifar, no entanto, queria seduzir José. Quando ele recusou seus repetidos avanços, ela o acusou falsamente de estupro.

Consequentemente, José foi enviado para a prisão, onde sofreu por um longo tempo. Mas, por providência de Deus, ele foi libertado, ficou diante do rei e interpretou o seu sonho. O rei recompensou José com a segunda posição mais poderosa do reino. 

Finalmente, José ficou novamente cara a cara com seus irmãos. Poderia ter sido a melhor história de vingança. Mas, ao invés disso, foi a melhor história de perdão.

Há apenas um de você. Só existe uma pessoa andando nesta terra com a sua exata bagagem. Os eventos e sofrimentos de sua vida o trouxeram até este momento. Deus está ciente disso. Ele está preparando, equipando e permitindo que o que acontecer em sua vida lhe prepare. Ele tem algo para você dizer. Ele tem algo para você fazer.

segunda-feira, 30 de março de 2020

A Coragem de Tentar

"Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai." (Colossenses 3:17)

Todos temos talentos e dons que Deus nos deu. Para Ester, uma jovem judia que vivia na capital do Império Persa, esse dom era uma beleza extraordinária. Muitas vezes, aqueles que são os mais bonitos são também os mais superficiais. Mas esse certamente não foi o caso de Ester. Ela tinha beleza interior, e bom caráter. Ela soube usar o que Deus lhe deu. Ester também demonstrou grande coragem e inteligência diante das adversidades.

Algumas pessoas têm talento musical (e outras pensam que o têm). Alguns são artistas talentosos. Outros são bons em matemática. Alguns são bons em construir coisas. Alguns são grandes visionários, porém não muito práticos, enquanto outros são detalhistas, mas não têm visão.

Às vezes, a maneira de descobrir quais são os seus dons é através do processo de eliminação. Walt Disney, um visionário, costumava contar a história de um garotinho. Um certo dia chegou o circo na cidade onde ele morava. O mestre da banda precisava de alguém para tocar trombone no desfile do circo e o garotinho se voluntariou. Infelizmente, a banda não tinha marchado nem um quarteirão e aquele som horrível vindo da buzina do menino, já tinha feito duas senhoras idosas desmaiarem e um cavalo fugir.

O agitado mestre da banda perguntou ao garoto: "Por que não me disse que não sabia tocar trombone?" E o menino respondeu: "Como eu iria saber? Nunca havia tentado antes!"

Às vezes você só tem que tentar alguma coisa nova para descobrir seu dons. E quaisquer que eles sejam, tente cultivá-los e usá-los, porque há um lugar na igreja para você. Todos temos algo para fazer.

sexta-feira, 27 de março de 2020

Quando as Coisas Parecem Pretas

"Pedro, então, ficou detido na prisão, mas a igreja orava intensamente a Deus por ele" (Atos 12:5)

No capítulo 12 do livro de Atos as coisas estavam ficando pretas para a igreja. Tiago foi executado e Pedro foi preso pelo rei Herodes. Ele seria morto em seguida. Mas então lemos que "a igreja orava intensamente a Deus por ele." (versículo 5). A igreja levou isso a sério e começou a orar. Então Deus enviou um anjo para libertar Pedro da prisão, e a história teve um final feliz.

E vejam só o que vem depois. No final de Atos 12, o rei Herodes, que orquestrou esses eventos, estava dando um grande discurso, e o povo começou a gritar: "É voz de deus, e não de homem!" (versículo 22). Deus julgou Herodes e lhe tirou a vida ali mesmo.

A história começa com Herodes no comando, com Pedro na prisão e com o mal se dando bem. Mas, quando a história termina, Herodes está morto, Pedro está livre e a Palavra de Deus está triunfando. Essa história nos mostra por que precisamos estar sempre orando.

Talvez você esteja vendo as coisas pretas agora. Talvez esteja com uma doença grave ou esteja enfrentando uma situação difícil no trabalho. Talvez haja um problema em sua família. Talvez as coisas tenham ido de mal a pior, e você não saiba o que fazer. Ore por isso. Faça com que seus amigos cristãos orem com você por isso. Traga a situação diante do Senhor, porque com Deus tudo é possível (Marcos 9:23). Deus pode tomar situações impossíveis e transformá-las para a Sua glória.

Quer ver outra história interessante? No início do livro de Ester, as coisas pareciam sombrias também. Havia um rei indiferente, um sujeito perverso chamado Hamã e uma população judia paralisada pelo medo. Mas o povo orou e Deus interveio. Como a história termina? Os judeus foram salvos e Hamã literalmente enforcado na sua própria corda. Lembre-se, as coisas só acabam quando terminam!
Pedro, então, ficou detido na prisão, mas a igreja orava intensamente a Deus por ele.

quinta-feira, 26 de março de 2020

Missões Divinas

"Pensem nisto, pois: Quem sabe que deve fazer o bem e não o faz, comete pecado" (Tiago 4:17)

Nem sempre é fácil discernir a vontade de Deus. Eu gostaria de poder dizer que toda manhã, quando levanto, toca ao fundo a trilha sonora de Missão Impossível enquanto ouço uma mensagem que diz: "Bom dia, Sr. Laurie. Sua missão, caso a aceite, é ir até o posto de gasolina às 12h15min. Um homem chamando Joe estará abastecendo lá. Sua missão é compartilhar Jesus Cristo com ele. Esta mensagem se autodestruirá em dez segundos."

Isso nunca me aconteceu. Eis como poderia ser, em vez disso: Eu entro no carro e vejo que a gasolina está baixa, então decido ir ao posto. Enquanto estou lá perto da bomba, puxo conversa com outro sujeito que também foi abastecer. Uma coisa vai puxando outra e, antes que eu me dê conta, o sujeito aceitou Jesus.

Eu é que escolho falar com a tal pessoa. Pode ser que ele tenha dito "oi". Eu tinha a escolha de ignorá-lo, não dar conversa, ou então de estender a conversa. E, afinal, eu tinha a opção de dividir ou não Cristo com ele.

Muitas vezes não pensamos em oportunidades como essas nem as procuramos. No entanto, pode ser até pecado não dividir o evangelho com outros. Tiago 4:17 nos diz: "Pensem nisto, pois: Quem sabe que deve fazer o bem e não o faz, comete pecado."

Deus nos usa quando estamos por aí fazendo coisas normais e dando passos de fé. É assim que funciona a vida cristã. Nós lemos a Palavra de Deus. Pegamos os princípios da Palavra de Deus e os colocamos em prática. Oramos a Deus que guie nossos passos. E vamos adiante.

quarta-feira, 25 de março de 2020

Opte Por Esquecer

"Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!" (2 Coríntios 5:17)

Como cristãos, podemos colocar o nosso passado no espelho retrovisor. Podemos deixá-lo para trás. Romanos 6:14 diz: "Pois o pecado não os dominará, porque vocês não estão debaixo da lei, mas debaixo da graça." Somos livres pela graça de Deus.

Gosto do que Corrie Ten Boom disse sobre os pecados dela: "Eles agora estão lançados no mar mais profundo e foi colocada uma placa sobre eles que diz: PROIBIDO PESCAR." Muitas vezes queremos trazer de volta os nossos pecados, mas não devemos optar por lembrar do que Deus escolheu esquecer.

Quando ouvi o evangelho pela primeira vez na escola, pensei: isso não funcionará para mim porque não posso ser um cristão típico. Na minha opinião, os cristãos tinham suas falhas e eu não queria ficar perto deles. Pensei: não há como eu ser uma dessas pessoas. Não tenho fé como elas.

O problema era que havia alguns amigos com quem eu saía que se tornaram cristãos. Eles não eram tão falhos como os outros cristãos, então tive que ajustar um pouco o meu pensamento. Mas tudo que eu sabia era que não iria funcionar para mim. Por que eu pensei isso? Por causa da maneira como eu fui criado. Tudo o que vi foram as coisas que deram errado. Eu pensei: as coisas nunca saem bem. As coisas sempre acabam mal. Como isso poderia funcionar para mim? Como poderia haver um Deus que se importa comigo? Mas acabei orando e pedindo para Cristo entrar em minha vida e Ele entrou. Então Ele começou a me mudar.

Não deixe que alguém lhe diga que o cristianismo nunca funcionará para você. Dê passos ousados ​​de fé.

terça-feira, 24 de março de 2020

Um Motivo Para a Fé

"E clame a mim no dia da angústia; eu o livrarei, e você me honrará" (Salmo 50:15)

A cada dia aparecem mais e mais notícias ruins: escândalos de corrupção envolvendo políticos, a guerra sem fim entre traficantes e a polícia, jovens mortos por balas perdidas. E, além disso, tem os problemas pessoais que todos nós vamos encarar mais cedo ou mais tarde: a morte de um ente querido, uma doença, um problema familiar, etc.

É verdade que há uma solução espiritual para os problemas em nosso país; porém, mais importante, é que também há uma solução espiritual para os problemas em nossas vidas.

O seu casamento está em dificuldades? Existe um aplicativo para isso e nós podemos "baixá-lo" das Escrituras! Deus ensina através da Bíblia como você pode ter um casamento bem sucedido. Ele diz para você qual é o papel do marido e qual é o da esposa. Você está solteiro(a) e procura pela pessoa certa? Há um caminho espiritual na Bíblia para isso também. Suas finanças estão uma bagunça? Há uma solução espiritual na Bíblia para isso. Deus nos disse para chamá-lo no nosso dia de angústia. Qualquer que seja o motivo da angústia!

Alguns poderão dizer, "eu tentei isso, mas não funcionou." 

Mas eu lhe digo: se você fizer o que Deus disse para fazer, vai funcionar.

Tudo bem você ser cético, mas não seja descrente.

Existem diferenças entre o cético e o descrente. O cético está aberto a acreditar; o descrente se recusa a acreditar. O cético duvida honestamente; o descrente duvida por teimosia. O cético busca por iluminação; o descrente se contenta com a escuridão. 

Precisamos crer na Palavra de Deus e então agir por ela. Na vida cristã há um motivo para se ter fé. Hebreus 11:6 nos diz: "Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que Ele existe e que recompensa aqueles que o buscam."

A Bíblia está cheia de histórias de pessoas que, por causa da fé, receberam soluções para os mais diversos tipos de problemas em suas vidas.